jueves, 27 de marzo de 2014

Brasileiro preso na Venezuela comanda tráfico em Roraima 
Data: 27/03/2014 WWW.FOLHABV.COM.BR


Fonte: a A A A
TARSIRA RODRIGUES

Editoria de Polícia
tarsira@gmail.com

A prisão de Cledson Martins da Silva, 22, mais conhecido como "Cérebro", ontem, acusado de tráfico de drogas, revelou um esquema de narcotráfico entre o Brasil e a Venezuela. O irmão de Cérebro, Fábio Martins da Silva, o “Chumbada”, está preso na Venezuela, mas comanda o tráfico de drogas em Roraima de dentro do presídio, segundo a polícia.

Cérebro foi preso na manhã de ontem, 28, pelo Serviço de Inteligência da Polícia Militar (PM), com apoio do Canil/BOPE. Ele foi capturado em uma residência no bairro União, com 386 gramas de pasta-base de cocaína e encaminhado ao Plantão Central. 

Foto: Divulgação

Cledson Martins já está na Penitenciária e a polícia realiza novas investigações para identificar outros membros da quadrilha

O jovem foi flagranteado por tráficos de drogas, segundo a delegada Rosane Widmar e já foi encaminhado à Penitenciária Agrícola de Monte Cristo (Pamc). A delegada explicou ainda que ele não tinha passagens pela polícia. A reportagem apurou também que as investigações sobre a ligação dele com o irmão Fábio Martins da Silva, o “Chumbada”, que cumpre pena no presídio venezuelano, continuam.    

A polícia vinha investigando o caso e encontrou, no celular do jovem, mensagens enviadas por Chumbada, que está preso há um ano por envolvimento também com o tráfico de drogas. A análise das mensagens apontou que Chumbada comandava do presídio, por telefone, o narcotráfico em Roraima.

Segundo a polícia, Chumbada ordenava ao irmão a distribuição e controle de entorpecentes em Boa Vista. A polícia tem como provas relatos em áudio entre os dois irmãos. As informações relatam que Chumbada também ostenta armas e drogas dentro do presídio na Venezuela.

No hay comentarios: